The Witcher 3 – Lançamento!

capa

Sejam bem vindos ao primeiro post sobre games do nosso blog.

Fiquei por muito tempo pensando sobre o que postar primeiro, pois as opções eram incontáveis e acredito que aproveitei o dia ideal para falar sobre um dos games mais aguardados do ano, The Witcher 3 Wild Hunt.

Para tal feito, eu fui acompanhar diretamente da Livraria Saraiva do shopping Center Norte em São Paulo o evento de pré lançamento e vou postar uma cobertura deste evento e minhas primeiras impressões sobre o game. O hype é grande, assim como o jogo. Então vamos lá?

 

TRAILER DE DIVULGAÇÃO

 

O evento de lançamento

foto1

Acompanhando as páginas de games e os eventos no facebook, notei que a CD Projekt Red (produtora do game) planejou eventos em diversos pontos de São Paulo, como por exemplo o Shopping Center, onde tive a oportunidade de comparecer e acompanhar esse pré lançamento.

Chegando ao local, vi que apesar de vazia, a livraria acumulou um número de fans considerável em seu setor de games, alguns estavam ali para acompanhar os gameplays que estavam acontecendo em um PS4, tirar foto com os dois Cosplays de Geralt e Ciri e MUITOS foram para adquirir o jogo antes da estreia. Quanto aos cosplays, confesso que deixaram a desejar, a Ciri não se parecia em nada com a personagem do game e estava um tanto quanto sem prestígio com a galera. Já Gerald, estava bem parecido com o personagem original do game, é claro que não foi um dos melhores cosplays já vistos, porém para o tamanho do evento, acredito que atendeu bem as necessidades.

Um fator que me deixou um tanto  decepcionado foi a falta de organização por parte da Saraiva, que nem sequer liberou mais espaço para os fans que ficaram todos apertados em um canto da loja e sem informações detalhadas sobre como conseguir o game. Após alguns minutos tentando obter informações, foi que um dos funcionários comentou que eu teria de aguardar em frente a vitrine de games para adquirir um papel e ai sim adquirir o game e que isso aconteceria a partir das 19:00hrs devido ao fuso horário de lançamento do game na Polônia. Até ai tudo bem, o problema foi que a informação não procedeu, e logo após as 19:00hrs o tal papel estava sendo liberado para venda em outro ponto da loja, o que deixou os fans um tanto desconcertados e irritados, pois as cópias se esgotaram rapidamente e acredito que muitos acabaram ficando sem uma cópia.

Após conseguir o papel para um cópia do jogo no Xbox One (SIM EU CONSEGUI!! UHULL) tive que comparecer até a fila para pagar pelo game e efetuar a retirada. E novamente, desorganização, fila enorme e demorada com apenas 2 caixas funcionando e logo notei que alguns fans que chegaram por último na loja, conseguiram uma cópia e outros que chegaram bem cedo acabaram ficando sem =/. Pois bem, continuei na jornada até que finalmente paguei pelo game e tive que me dirigir até um novo espaço onde o game estava sendo disponibilizado junto com uma camiseta de brinde, e novamente, mais filas e apenas 2 funcionários atendendo. Como não poderia faltar, desorganização para entregar as camisetas, os funcionários receberam uma caixa para distribuir porém nem sequer abriram para separar os modelos e otimizar o atendimento, depois de umas 20 pessoas retirarem o game, fui informado que o tamanho M da camiseta estava indisponível, o que é muito estranho devido ao volume de caixas lacradas… porém, brinde é brinde e não podemos reclamar deles e assim encerrei minha participação neste evento junto de muitos gamers que saíram para suas residências logo após colocar as mãos no game, deixando no local do evento apenas alguns fans jogando.

 

O Game

Acredito que muitos de vocês já sabem sobre o jogo e já acompanharam noticiais, gameplays e reviews espalhados pelo net, mas para os que ainda não viram:

The Witcher 3: Wild Hunt (em polaco: Wiedźmin 3: Dziki Gon) é um videojogo role-playing game de ação ambientando em mundo aberto, desenvolvido pela CD Projekt RED. O lançamento está previsto para 19 de maio de 2015, para PC, PlayStation 4 e Xbox One. Será o terceiro jogo da série, precedido por The Witcher e The Witcher 2: Assassins of Kings; todos baseados na série de romances de fantasia de mesmo título do autor polonês Andrzej Sapkowski.

The Witcher 3: Wild Hunt concluí a história de Geralt de Rívia, o protagonista da série. Continuando a partir de The Witcher 2, os que procuravam usar Geralt desapareceram e este embarca numa nova missão pessoal enquanto a ordem mundial está em mudança. A nova missão de Geralt acontece em tempos negros em que um misterioso exército conhecido como Wild Hunt invade os Reinos do Norte, deixando apenas sangue e ruína; parece que o Witcher é a chave para os parar.

O cenário é “30 vezes maior” que os jogos anteriores Witcher1 e 2 fazendo com que os jogadores tenham que usar barcos e cavalos para algumas localizações. No entanto, está disponível viagens rápidas para locais já conhecidos. De acordo com os desenvolvedores, o mapa do jogo tem um tamanho equivalente ao de GTA V e Skyrim juntos. Sim… é imensooo.

 

O Hype

O hype deste jogo começou desde o seu anuncio oficial após o grande sucesso dos games anteriores da série. O jogo foi anunciado oficialmente em 4 de fevereiro de 2013, pela Game Informer, com um lançamento planejado para 2014 no PC e em “todos os consoles de última geração”, frase que foi posteriormente clarificada significar lançamentos para o Xbox One e PlayStation 4.

Em 11 de março de 2014, a data de lançamento do jogo foi adiado de outono de 2014 (no hemisfério norte) para fevereiro de 2015. Em 8 de dezembro do mesmo ano, os desenvolvedores anunciaram um novo adiamento, chegando até a data de 19 de maio de 2015. Para a loucura dos fans e aumentando o hype para o jogo.

Em 16 de Abril de 2015, CD Projekt RED confirmou que a produção do jogo já tinha entrado na fase ouro, indicando que já estava preparada para a duplicação e lançamento. \o/

Desde seu lançamento oficial, diversos screenshots, vídeos promocionais e campanhas de marketing estão sendo realizadas pela produtora para aumentar as expectativas pelo jogo. Com diversas afirmações sobre o desempenho nos jogos, seus gráficos, sua jogabilidade, seu mundo aberto, monstros, missões, e etc.

Quanto ao marketing, essa produtora ganhou o meu respeito. Nota 10.

Em 11 de maio de 2015, a CD Projekt anunciou que The Witcher 3: Wild Hunt já tinha ultrapassado 1 milhão de pré-vendas e crescendo.

 

Primeiras impressões (Caixinha)

Logo de cara, me deparei com uma caixa muito bonita com uma cover de papelão embrulhando a caixinha do game. Logo antes de abrir o game, já deu para perceber o quanto o game merece o preço pago por ele (R$229,90).

Ao abrir a caixinha, a tão aguardada surpresa… Uma quantidade astronômica de conteúdo na caixa, o que me impressionou MUITO ao comparar com os outros games lançados atualmente no país pelo mesmo preço. Um breve recado para as produtoras mercenárias – SHAME ON YOU. Fazia tempo que não via uma produtora se importar tanto com a experiência do consumidor.

Além da camiseta de Geralt que adquiri na pré venda, a caixinha do jogo acompanhou:

  • Mapa ilustrado do game (Muito top por sinal)
  • Dois adesivos do brasão de Geralt
  • CD com trilha sonora do game
  • CD do game (óbvio)
  • Encarte contando a história dos personagens e mecânicas básicas do jogo
  • Manual do game com os comandos
  • Acesso gratuito a 1 HQ de The Witcher 3 online.
  • Conteúdo exclusivo para o game mobile The Witcher Battle Arena (iPhone, Android e Windows phone)
  • Além de é claro, acesso para 16 DLCs gratuitas.

Simplesmente brilhante!!!

2

3

4

5

Primeiras impressões (Gameplay)

Só pude testar o jogo por 3 horas ontem a noite, porém de inicio, além da instalação padrão do game, ainda tive que baixar um patch de aproximadamente 600MBs (Xbox One) para aumentar o Hype rs.

Após iniciar o jogo pela primeira vez, o jogo permite que vc inicie o jogo com um save de The Witcher 2, além de escolher entre 4 dificuldades para iniciar a aventura. Como eu não tinha um save de The Witcher 2, tampouco sou veterano a ponto de jogar em dificuldades absurdas, me contentei em iniciar o game em dificuldade normal.

Logo de inicio, uma cutscene meio cartunizada tomou conta da tela apresentando um pouco sobre o ambiente atual do jogo. Logo após essa cena, uma nova cutscene que já havia sido divulgada anteriormente tomou conta mostrando Gerald rastreando uma área que aconteceu uma grande batalha em busca de Ciri. Ai que minhas preocupações com a versão de Xbox One começaram, a cut scene em si teve algumas quedas de frame ocasionando em alguns travadinhas, mas até ai, tranquilo.

Após essa cut scene você é apresentado aos tutoriais básicos do jogo e é ai que o jogo surpreende logo de cara, os gráficos. Não tenho dúvidas em afirmar que esse é o jogo mais bonito já visto até então no Xbox One, a movimentação dos personagens, cenários, climas (vento, chuva e afins) tudo, simplesmente lindo.

O jogo foi anunciado para rodar a 900p nativos e 30fps no Xbox One com upscalling para 1080p. Infelizmente, tenho que admitir, eu que não tenho costumo ver muita diferença nessas coisas, fiquei um pouco surpresa ao notar pequenas oscilações de FPS na versão do Xbox One. Se isso foi perceptível para mim, com certeza será para players mais rígidos com esse tipo de coisa. Porém, não é algo que me faz “brochar” com o jogo.

Continuei na aventura e logo estava em um vilarejo destruído pela guerra e pude degustar um pouquinho dos contratos disponíveis, sidequests, interação com os NPCs, fazer algumas escolhas, utilizar o sexto sentido de Geralt, além de é claro, lutar um pouquinho. Tudo muito bem feito em cenários muito elaborados, vale muito a pena jogar.

Não vejo a hora de jogar um pouco mais e me aprofundar na história, que no início é um pouco parada devido aos INUMEROS tutoriais que você tem que aprender. Sim, o jogo não é fácil e exige um certo nível de exploração para descobrir tudo que tem nele.

 

Recepção pela crítica

GAMESPOT – 10/10 (Um dos melhores jogos já criados)

GAMETRAILERS – 9,8/10 (Um dos melhores RPGs já criados)

GAME INFORMER – 9,75/10 (Um RPG que tem que ser jogado)

IGN – 9,3/10 (Surpreendente)

 

The Witcher 3 Wild Hunt está disponível a partir de hoje (19/05/2015) para PC, PS4 e Xbox One.

Gostou? Compartilhe, comente, deixe as impressões de vocês e siga nosso blog para mais noticias sobre como Revirar a sua rotina. Você é um gamer? Estamos preparando muito mais conteúdo de games e conteúdos Geek e em breve teremos novos posts. Aproveite para apresentar o blog para seus amigos, namorada e familiares, com certeza cada um deles conseguirá extrair algo de bacana deste blog.

final

 

Revirando a Rotina